#4 - Raul Seixas - Novo Aeon (1975)

May 6, 2012
#4 - Raul Seixas - Novo Aeon (1975)

LadoA

Anti-sepsia. Mistura viva importante de tudo que há de bom na música brasileira. Catedrático Sr. Lucas Borges. Documentário recente sobre o Raulzito. Figura pitoresca, maluco beleza versus profundidade da obra. O Lennon brasileiro. Raulseixistas. Crítica à estrutura religiosa. Virada do Raulzito do Raul Seixas. Sociedade da Grã-Ordem Kavernista Apresenta Sessão das 10. Paulo Coelho e o envolvimento com o satanismo. “Tente Outra Vez” salvando um suicida. Krig-ha Bandolo entre os mais importantes discos da música brasileira. Introdutor da música americana com estilo brasileiro? Raul queria ser escritor. Filho de engenheiro, ávido por leitura. Não foi um estudante com bons resultados escolares. Relâmpagos do Rock e Raulzito e os Panteras. Tocou com Jerry Adriani e Roberto Carlos. Trabalho como produtor na CBS. Ida ao Rio de Janeiro. Lançamento de Sérgio Sampaio e o FIC 1972. “Let Me Sing” acabou com uma discussão sobre música nacional x música brasileira, com a união do rock ao baião. Campanha contra a guitarra elétrica. Origem do programa com a maniçoba e a Nega Fulô. Edy Star, a verdadeira viuva do Raul Seixas. Grito do Tarzan. 

LadoB

Atenção da ditadura à obra do Raul Seixas. Parceria com Paulo Coelho. Antes de conhecer Paulo Coelho, Raul era careta. Faz supletivo e passa no vestibular de direito para se casar com Edith. Raul consulta psiquiatra e a volta ao mundo musical. Correção de ouvinte sobre comentário no programa do Cartola. Sociedade Alternativa e discos voadores. Ele e Paulo Coelho cortam o pescoço de um animal. Significado do Novo Aeon. Símbolo da Sociedade Alternativa: a cruz ansata. Imprimatur. Analogia com Beatles. Transição misticismo para nova fase: parceria com Claudio Roberto. Mitos ou verdades sobre a ida de Raul aos EUA. Frases perigosas. Confusão com o delegado de Caieiras, São Paulo. Causas da morte de Raul Seixas. Etilismo, pancreatite e diabetes. O álcool o matou. Fim da carreira com o Marcelo Nova. Vários músicos regravaram a obra dele. Esquecimento na década de 80. Marcelo Nova comprava a feira do Raul. Espírito do disco. Surgimento do movimento punk e esquecimento do Raul Seixas. Direito de deixar Jesus Sofrer. Em 40 minutos fomos da tarde para a madrugada.


Comentários